Graça e Paz, considere o versículo:

   "O qual nos fez também capazes de ser ministros de um novo testamento, não da letra, mas do Espírito; porque a letra mata e o Espírito vivifica." 2 Co 3.6

   Esse texto  trás uma interpretação antiga que foi muito utilizada, usado-se (sem contexto) a parte "B" que diz: "porque a letra mata e o espírito vivifica", isso foi usado por alguns irmãos, como pretexto para não se dedicarem ao estudo, eram irmãos que espiritualizavam tudo e afirmavam que o muito conhecimento podia matar a espiritualidade, por incrível que pareça, ainda hoje muitos irmãos interpretam dessa forma.

Porém se analisarmos os versículos 3, 7 e 8 que fazem parte desse contexto entenderemos do que Paulo está realmente falando, veja:

"Porque já é manifesto que vós sois a carta de Cristo, ministrada por nós, e escrita, não com tinta, mas com o Espírito do Deus vivo, não em tábuas de pedra, mas nas tábuas de carne do coração." 2 Co 3.3

  O termo sublinhado faz referência as tábuas dos Dez Mandamentos, que deram origem a Lei, aqui começa a apresentação de duas situações: a carta escrita em tábuas de pedra (Lei) e a escrita em tábuas de carne do coração (Graça).

"E, se o ministério da morte, gravado com letras em pedras, veio em glória, de maneira que os filhos de Israel não podiam fitar os olhos na face de Moisés, por causa da glória do seu rosto, a qual era transitória," 2 Co 3.7

  O termo sublinhado aqui, explica qual é a letra que mata do versículo 6, ou seja a letra da Lei, e Paulo chega a afirmar que essas letras gravaram em pedras o ministério da morte. Quando Paulo chama de ministério da morte ele quer dizer que a Lei trouxe o conhecimento completo da morte, ou seja, quando a lei trouxe uma relação do que não se deve fazer, ela também trouxe a condenação. E no versículo 8 nós temos uma belíssima conclusão:

"Como não será de maior glória o ministério do Espírito?" 2 Co 3.8

Conclusão:

     O versículo 6 não está falando de conhecimento secular nem de aprofundamento teológico, mas está falando da letra da Lei que trouxe a condenação e o Espírito Santo que ministra a Graça aos corações dos homens. Todavia aqueles que morrem espiritualmente por excesso de conhecimento, morrem por sua própria arrogância e altivez.

Marcos André – Professor

Marcos André – Professor
CLUBE DA TEOLOGIA
http://marcosandreclubdateologia.blogspot.com/